Já te contei?...

Porque há coisas que às vezes ficam por contar...

quarta-feira, 7 de junho de 2006

Apresento-te o meu Xu...


Nunca pensei que uma paixão pudesse nascer assim tão rápido... Confesso que não foi "amor" à primeira vista, mas é impossível não nos derretermos perante tamanha doçura.

A verdade é que o tenho há 5 dias e já não consigo viver sem ele! Conto os minutos para chegar a casa e poder abraçá-lo, brincar com ele e sentir o ronron deleitado que ele faz quando está ao meu colo.

Mas é um grande maroto e, como qualquer bebé de 3 meses, gosta de fazer asneiras. Saldo: algumas molduras derrubadas e um candelabro partido. De resto, é um gosto vê-lo correr pela casa e ouvir o sininho da coleira com o qual ao início ele lutou tantas vezes...

Mas para além disto tudo, a grande novidade é o sentimento de responsabilidade por um "novo ser" que depende de nós (falava-me disto quem tinha filhos...). A sensação de que temos que o proteger contra tudo e todos e fazer com que ele seja feliz, é arrebatadora. Já para não falar na hipótese de "o perder" (nem quero pensar!!).

Cada vez mais acredito que arranjei um filho antes do tempo... Belo treino para amenizar a vontade de ter um verdadeiro!!!

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home